Processo Seletivo para Professor Substituto – CNM

07/07/2015 19:23

A CHEFE DO DEPARTAMENTO DE ECONOMIA E RELAÇÕES INTERNACIONAIS, CUMPRINDO SUAS ATRIBUIÇÕES,

R E S O L V E: 07/07/2015

HOMOLOGAR as inscrições dos candidatos André Selayaran Nicoletti, Camila Tribes, Carlo Vaz Sampaio, Diego Carlos Batista Souza, Evandro Castro Pedro, Fernando Henrique de Paula e Silva Mendes, João Matheus Acosta Dallmann,  Jonathan Raphael Vieira da Rosa, Maria Jaqueline Nogueira Lima, Marília Bortoluzzi Severo, Marilia Romão Capinzaiki, Melissa Gabriela Lopes Coimbra e Ricardo Bruno Boff referente ao Processo Seletivo para contratação de Professor Substituto, Processo (23080036494/2015-16) . Ciência Política e Relações Internacionais

Profa. Dra. Mónica Salomón

Chefe do Departamento de Economia e Relações Internacionais

Universidade Federal de Santa Catarina.

O Programa de Pós-Graduação em Relações Internacionais da UFSC convida para a palestra

30/09/2014 07:34

“Notas sobre a travessia de um diplomata através de meio século: relações do Brasil com Oriente Médio e África”

com Embaixador Bernardo de Azevedo Brito

02 de outubro de 2014, quinta-feira, 9:15

Mini-auditório do Departamento de Economia e Relações Internacionais

CSE-UFSC, bloco D, 2º andar

Informações pelo email clarissa.dri@ufsc.br

 

Bernardo de Azevedo Brito entrou na carreira diplomática em 1958. Trabalhou nas embaixadas brasileiras em Copenhague, na Dinamarca, e Oslo, na Noruega, e foi cônsul em Sevilha, na Espanha. Ele integrou a Missão Brasileira na ONU, foi representante do País na Agência das Nações Unidas para a Agricultura e Alimentação (FAO), diretor-executivo do Programa Mundial de Alimentos (PMA) e embaixador do Brasil no Iraque, Zâmbia, Zimbábue, Finlândia e Estônia. O embaixador, que hoje tem 78 anos, se aposentou após ter servido como chefe do escritório de representação do Brasil em Ramallah, na Cisjordânia, órgão que ele mesmo inaugurou em 2004. Foi chamado de volta à ativa para reabrir a embaixada brasileira em Bagdá, que estava fechada desde o início dos anos 1990. Publicou recentemente pela Editora da UFSC o livro “Iraque: dos primórdios à procura de um destino” (http://www.editora.ufsc.br/publicacao/detalhe/id/569).